quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Como se sente?

Minhas férias estão escorrendo pelos dedos. Quando eu abrir os olhos, será domingo e eu terei que estar com as malas prontas, voltar para a vida que deixei que escolhessem pra mim. O céu ainda vai ser o mesmo, o sol também. O relógio ainda vai trabalhar do mesmo jeito, mas eu não. Acordar cedo, frequentar as aulas de Direito, ir para o estágio e ouvir as infindáveis reclamações de quem acredita na Justiça desse país, e espera que tenha algum efeito sobre sua causa, e eu, minto, minto que vai melhorar, que não vai demorar, que vai dar tudo certo. Só que a mentira só funciona bem quando quem conta acredita, e não é o meu caso. Eu perdi o rumo e nesse percurso, as certezas. Tudo o que eu desejo é que acabe logo, e eu ainda tenha sonhos que me movam rumo ao curso de Letras, que eu não desacredite mais do amor  e que não me corrompa e deixe, que tomem as decisões por mim [de novo]. Enfim, de volta a vida de universitária solitária e insatisfeita!!

ao som de : Como se sente
Elena Kalis Underwater Photography | via Facebook