quinta-feira, 8 de maio de 2014

Graça, maravilhosa graça!!

Quando o entendimento de perdão se faz real em meu coração, posso olhar para os céus e agradecer por ser tão amada por Ele.
Não depende do quanto você faça algo; o que você faça, a graça independe de qualquer ato ou fato vivido(s) por você ou por mim. Graça é graça.
E é pela graça, que volto a escrever sobre as grandes coisas que Cristo tem feito em mim.
O blog por um bom tempo, ficou abandonado porque, de certo modo, eu me encontrava assim também.
Em algum momento, nos últimos meses eu olhei pra Deus e pensei: EU POSSO FAZER ISSO SOZINHA, e foi aí que tudo começou a desandar. 
As pessoas se tornaram referencial, coloquei coisas erradas em posições erradas em minha vida. Passei a ouvir mais pessoas do que o Espírito Santo, a orar menos e deixar a bíblia de lado, minhas canções já não tinham louvor e meus pés não se alegravam de ir à casa de Deus. 
Eu me tornei um zumbi, que não sentia fome, sono ou vontade de viver, porque por um instante, eu deixei de olhar para o verdadeiro Senhor de tudo, o fiel, bondoso, amoroso Jesus.
-
E de repente, tudo caiu sobre meus ombros, as amizades se desfizeram na mesma rapidez que se iniciaram; o pedestal que algumas pessoas ocuparam, foi derrubado pela força violenta da traição; e de uma vez só, eu vi a falsidade do mundo que eu me deixei levar,  pude sentir o vento frio, da solidão, do pecado, da morte, que é a vida sem Cristo.
Me desesperei e senti uma vontade imensa de morrer, de acabar com tudo isso, todas as decepções que eu me tornei. Eu estava suja demais para voltar para casa, me senti como o filho pródigo, comendo com os porcos, enquanto lembrava dos banquetes já participados na casa do Pai.
-
 Quando senti minhas últimas forças se rendendo, entendi que era o fundo do poço, contudo, logo o Senhor veio ao meu encontro e me mostrou que, nada pode me separar do Seu amor. Me levantou, trocou minhas roupas rasgadas e está me alimentando, me mostrando que os sonhos Dele pra mim não morreram, que o amor Dele cura todas as feridas , e esse amor, me surpreende a cada dia.
-
Agora eu só quero manter os olhos em Cristo, os joelhos no chão e seguir adiante.
18 Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem.
19 Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço.
20 Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.
21 Acho então esta lei em mim, que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo.
22 Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus;
23 Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros.
24 Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte?
25 Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado. Romanos 7. 18-25
 
Só em Cristo podemos vencer o mundo! Só nEle.

Um comentário:

  1. Estamos afundados na imensidão dessa graça que nos foi ofertada...Somente com Ele, Jesus, que podemos ultrapassar os nossos limites.

    Beijoss flor!

    ResponderExcluir

Saber o que acha é um prazer,obrigada por sua opinião!